Crise Bancária e Gripe Suína: A Era das Pandemias

Mundo estranho. Quando eu cheguei aqui no final de setembro do ano passado, o mundo estava estupefato. Havia uma crise que consistia no seguinte: vários bancos estavam virtualmente quebrados, podres por dentro, mas olhando daqui, ninguém podia dizer quem seriam exatamente os contaminados. Alguns deles, com problemas pequenos, já eram declarados vítimas prontas para falir. O mal se espalhou pelo mundo e a cada dia a gente ia lendo sobre um novo banco aqui ou ali que havia quebrado. Ou como a Islândia foi contaminada e caiu. Todo mundo respirou fundo e tomou cuidado pra não ser mais uma vítima.

Hum. Qualquer semelhança entre a Gripe Suína e a Crise Bancária do ano passado não é mera coincidência. O mundo ficou pequeno e é muito fácil algo que acontece no México afetar a vida de pessoas na Austrália, na França, na Inglaterra e no Brasil. Na era da informação, as pandemias são de crise econômica, de vírus mutante da gripe, de desconfiança. Tudo informação, sendo transmitida por diferentes veículos. Só espero que essa sequência de RNA safada não consiga se espalhar do jeito que está todo mundo temendo.

Conte para os amigos!

Nenhum Comentário