Contando meu karma

akoha_cards

O Cris me mostrou um conceito fascinante de jogo no outro dia e entrei sem pensar duas vezes na fase de testes. Akoha.

Funciona assim: você compra um maço de cartas e cada uma vem com uma “missão”. Todas essas missões envolvem você sair de casa e fazer alguma coisa, interagir com gente de verdade. Pagar um café, um drink, dar um chocolate, doar uma hora de trabalho social. Quando você faz isso, dá a carta para a pessoa, que, intrigada, vai até o site e a registra. Quando ela faz isso, os pontos da carta vão para você (viram seu karma).

O conceito é brilhante em tantos níveis. Vejamos. Você compra cartas, ou seja, eles criaram um modelo de cobrança que faz sentido, porque você recebe um objeto físico pelo seu dinheiro. O jogo virou um bom motivo pra você encontrar seus amigos ou mesmo conhecer um(a) estranho(a) na rua. E não é só, ao fazer isso, você está ajudando os caras a ganharem novos clientes. A pessoa vai chegar em casa, entrar no site e ficar intrigada com aquilo. Não tenho a menor idéia sobre a taxa de conversão dessas pessoas em jogadores. Mas se elas usarem o cartão já vai ser muito legal. As possibilidades são excitantes.

Conte para os amigos!

Nenhum Comentário